Mulher encontrada queimada dentro de casa pode ter sofrido tortura

0
694

Crime aconteceu em Samambaia e pode ter a ver com o histórico de tráfico da localidade

O corpo de uma jovem de 29 anos, identificada como Talita Silva Martins, foi encontrado carbonizado e com sinais de tortura em Samambaia, por volta das 20h desta segunda-feira (14). Chamada ao local, familiares acreditam se tratar da moça por causa de uma tatuagem da figura de uma borboleta no pé.

Às 21h30 desta segunda, a Polícia Civil ainda conduzia a perícia na casa 31 do conjunto 5, na QR 05. A suspeita inicial é de que a mulher tenha sido morta no quintal. Como há marcas de sangue até o banheiro, ela pode ter sido arrastada até lá após ter a cabeça esmagada. O corpo foi encontrado carbonizado da região do quadril até a cabeça.

O Corpo de Bombeiros recebeu, primeiro, o chamado de incêndio dos moradores da região. Ao chegar ao local, os militares perceberam se tratar de uma cena de crime e acionaram a polícia, que chegou às 20h.

Os policiais identificaram o local como um possível ponto de tráfico de drogas e vizinhos alegaram que Talita consumia entorpecentes e morava sozinha na casa.

O supervisor de policiamento do 11º Batalhão da Polícia Militar, Fábio Nunes, destaca que Samambaia tem áreas críticas, propensas ao tráfico de drogas. “Um primo da vítima relatou que ela era usuária de crack. Provavelmente ela se reunia com outros usuários no local”, afirma, especulando, ainda, que o namorado da moça possa ter cometido o crime.

Fonte: Jornal de Brasília

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here